A S&P reafirmou o rating BBB da Itália, com perspectiva estável. A agência projeta que a economia do país cresça 4,7% em 2021 e 4,2% em 2022, refletindo estímulos fiscais, os fundos de recuperação da União Europeia e a retomada do consumo privado, conforme a vacinação contra a covid-19 ganha fôlego.

Segundo a S&P, o déficit da Itália deve ficar em 11,6% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2021, de 9,5% no ano passado.

A dívida líquida deve avançar ao equivalente a 149% do PIB no fim deste ano, de 127% no fim de 2019.

Além disso, a agência destaca que o governo planeja reformas no Judiciário, na administração pública, no ambiente de negócios e nas leis de concorrência, bem como no sistema tributário local.


Como podemos ajudar você?

Em nosso canal do Telegram você receberá as principais notícias que movimentam o mercado.

Na área O que comprar você acompanha diversas sugestões e atualizações.

Em nossas Assinaturas você pode conferir diversas recomendações, análises e conteúdos exclusivos.

Gostou? Compartilhe com seus amigos: